13 de agosto de 2014

Resenha - Banda: Revolted - Álbum: Revolutionary Order (2014)

Resenha por: Renato Sanson


Um verdadeiro murro na cara! É isso que temos ao ouvir “Revolutionary Order” disco de estreia do Revolted.

A agressividade apresentada chega ser absurda, um som que podemos classificar como Modern Thrash Metal, mesmo tendo o Thrash como carta principal temos muita modernidade em seu som que soa limpo e pesado.

Os solos apresentados são de cair o queixo, que aliado aos riffs potentes, vocalizações insanas e variadas e uma cozinha extremamente técnica temos o Revolted, que consegue deixar tudo uniforme em uma sonoridade empolgante e viciante.

A produção do disco ficou a cargo de Junior Xavas e Xavier Collard, que souberam explorar muito bem o que o grupo tem de melhor, além de termos um som cristalino e altamente pesado. A parte gráfica muito bem esmerada e caprichada ficou a cargo do artista Thiago Andrade, que soube expor o que a banda quer passar.

Musicalmente não há o que se dizer um verdadeiro murro, que joga sua cabeça contra parede e faz você colocar no repeat sem moderação.

O destaque fica por conta do disco todo, onde seria um verdadeiro desperdício pular alguma faixa. Altamente recomendado!



Conheça mais a banda:


Assessoria: Metal Media

Tracklist:
01 Revolutionary Order
02 Heartbreaking
03 Behind the Sacred Verses
04 The Scars of Insanity
05 Follow the Shadows
06 Hope is Just an Illusion
07 Imperfect Memories
08 Epidemia
09 Your Fate is What Destroys You
10 We are Only Free

Formação:
Hedrey Glissiério (Vocal)
Alex Fernando (Guitarra)
Raphael Torlezzi (Baixo)
Yanomani Ami (Bateria)

0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More