10 de julho de 2016

Resenha - Banda: Misconducters - Álbum: Boundless (2015)

Resenha por: Renan “Soto” Silva
Revisão/edição: Renato Sanson


O MISCONDUCTERS é um grupo de São Paulo capitaneado pelo guitarrista e vocalista Den, tendo no seu mentor o epicentro criativo deste novo trabalho, intitulado “Boundless”. O material é calcado no Crossover e traz excelentes momentos no decorrer das suas sete canções, todas elas, com nítidas influências do Corrosion of Conformity, DRI e Agnostic Front.

A banda se vale de diversos elementos oriundos do Metal, mas não se escora neles. Na verdade, existe uma veia Punk e Hardcore muito mais evidente, o que deixa o som poderoso, cativante, e que contrasta um pouco com a arte da capa, que me remeteu à algo voltado para o Progressivo. Mas ficou só na impressão mesmo, porque ao apertar o play, o material soa direto, rústico em algumas passagens, e quebra alguns paradigmas, principalmente para fãs de Hard/Heavy como eu. No decorrer da audição fui pego batendo cabeça em diversas passagens, principalmente nas ótimas “The Game” e “Hunter and Pray”, tendo nestes dois exemplos a síntese exata do que você vai encontrar nas demais cinco faixas.

Prestes a lançar seu sucessor pela MS Metal Records, o MISCONDUCTERS soa renovado e pronto para alçar vôos cada vez mais altos dentro do nosso cenário. Competência pra isso, já mostraram que têm de sobra.

Links de acesso:

Tracklist:
1-The Game
2-Class of *84
3-Pave The Way
4-Hunter And Prey
5-Boundless
6-Plain Conditioning
7-Lurch

Formação:
Den (Guitarra/Vocal)
Brisa (Baixo)
Vitão (Batera)

0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More