7 de setembro de 2017

Resenha - Banda: Axes Connection - Álbum: A Glimpse Of Illumination (2017)

Resenha por: Renato Sanson


O ano era 1990 quando o Axes Connection formava seu embrião na cidade de Porto Alegre, com os irmãos Vitor e Marcos Machado. Mas no mesmo ano Marcos foi convidado a integrar um dos grandes nomes do Thrash nacional da atualidade o Distraught, então o projeto com seu irmão continuou, mas de forma bastante informal.

Com sua saída do Distraught em 2013 (após 15 anos), Vitor e Marcos retomam o projeto Axes Connection, quando uma fatalidade assolou a vida de Marcos, a perda do irmão Vitor. E em forma de retribuir todo incentivo e apoio, Marcos decidiu seguir com o projeto em memória a Vitor Machado.

Sendo assim, Marcos contou com o auxílio do seu outro irmão Márcio Machado (vocais) e recrutou um belo time para gravação do Debut: Magoo Wise (ex-Apocalypse) e o baterista Cristiano Hulk (ex-Vômitos e Náuseas e Grosseria).

Eis que em março de 2017 nasce “A Glimpse Of Illumination”, trazendo um Heavy Metal contemporâneo pesado, trabalhado e com boas influencias do Classic Rock setentista.

Onde notamos tal influencia logo de cara nas linhas vocais de Márcio, com referências claras de Robert Plant e Cia. Tons agudos e variados, que casam com as guitarras bem construídas e melodiosas, riffs simples e fortes, com melodias bem trabalhadas.

A cozinha construída por Magoo e Hulk é coesa e dinâmica, e traz o equilíbrio necessário a proposta sonora, como podemos notar em “The Meaning Of Evil”, onde ambos dão um show à parte.

“Rearrange Yourself” vem mais agressiva com Márcio abusando dos agudos e variando para tons mais agressivos, com um riff aberto pesadíssimo, entrelaçando momentos mais 70’s com momentos mais atuais.

Em “Use The Reason” o Classic Rock fica de lado e mostram o lado mais moderno do grupo, trazendo muito peso e agressividade, remetendo aos britânicos do Judas Priest (fase Tim Owens); assim como em “The Gates” intrincada e com guturais que se entrelaçam as linhas vocais mais melodiosas, com um ótimo trabalho da guitarra de Marcos.

Já deu para perceber que a variedade impera no trabalho de estreia do Axes Connection, que teve uma boa produção a cargo de Felipe Haider usando timbres mais agudos e claros, sem esquecer do peso e equilíbrio, e tendo uma arte desenvolvida por Aldo Marcondes, que conseguiu trazer referencias do irmão Vitor como Marcos queria, em um belo trabalho.

Torço que o projeto continue e nos brindem com mais álbuns como “A Glimpse Of Illumination”.

Links:


Tracklist:
01 The Meaning Of Evil
02 Rearrange Yourself
03 Wisdom Is The Key
04 Use The Reason
05 Prepare Your Soul
06 The Gates
07 A Glimpse Of Illumination
08 Journey To Forever
09 Skyline
10 The True Connection

Formação:
Márcio (vocal)
Marcos (guitarra)
Magoo (baixo)
Hulk (bateria)


0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More