18 de outubro de 2017

Resenha - Banda: Hellish War - Álbum: Keep It Hellish (2013)

Resenha por: Renato Sanson


Se em meados de 2001 o Hellish War já impressionava o mundo com “Defender Of Metal”, o que se poderia esperar do terceiro álbum do grupo, “Keep It Hellish”? Já que sabemos que é no terceiro trabalho se a banda racha ou fica.

E no caso do quinteto paulista foi para ficar, pois o que apresentam é o seu Heavy Metal Tradicional característico, estando ainda mais vitaminado e marcante, sem contar que em "Keep It Hellish" apresentam seu novo vocalista Bil Martins, que não deixa a desejar em nenhum aspecto.

Um dos grandes trunfos do Hellish War é como colocar sua sonoridade agressiva com toques melodiosos e grudentos, já que você ouve uma vez e já sai cantarolando tanto os riffs quanto os refrões fortes e imponentes.

Bil mostra muita personalidade e traz linhas vocais agressivas, mas com melodia e um ótimo alcance, mas que não exagera nos agudos preferindo os drives. A cozinha formada por JR e Person é do mais alto nível técnico e ao mesmo tempo pesada e equilibrada. E as guitarras de Vulcano e Job esbanjam elegância e uma chuva de riffs e solos bem construídos, que casam perfeitamente com essa proposta germânica de fazer Heavy Metal.

A produção feita por Ricardo Picoli é encorpada e gordurosa, transbordando peso e com timbres bem colocados, que faz um bom equilíbrio entre a modernidade e a sonoridade mais old school. Em termos gráficos temos um excelente trabalho do artista Zé Burato, com uma capa belíssima e rica em detalhes e com um layout de encarte bem diagramado e atrativo, impossível olhar e não lembrar de alguns trabalhos gráficos do Heavy Metal alemão.

Dez composições divididas em um pouco mais de uma hora de puro Heavy Metal sem frescuras ou preocupações modernosas, aqui é botar a bolacha para rodar e curtir do início ao fim sem pular nenhuma faixa, pois soam empolgantes e viciantes!


Links de acesso:

Tracklist
01. Keep It Hellish
02. The Challenge
03. Reflects on the Blade
04. Fire and Killing
05. Masters of Wreckage
06. Battle at Sea (instrumental)
07. Phantom Ship
08. Scars (Underneath Your Skin)
09. Darkness Ride
10. The Quest

Formação:
Bil Martins - Vocais
Vulcano – Guitarras
Daniel Job – Guitarras, teclados
JR – Baixo

Daniel Person – Bateria

0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More