1 de outubro de 2017

Resenha - Banda: Datavenia - Álbum: Welcome to the Underground (2016)

Resenha por: Renato Sanson


Partindo do princípio que técnica não é sinônimo de qualidade e vice-versa, os gaúchos do Datavaneia – mais precisamente da cidade de Frederico Westphalen, interior do RS – mostram em seu Debut (“Welcome to the Underground”), uma dosagem certeira entre técnica apurada, feeling e muita qualidade.

Transformando sua sonoridade em um caldeirão de influencias cativantes e grudentas, fazendo você querer ouvir o álbum por diversas vezes. A modernidade em sua proposta sonora impera, trazendo um som mais na cara com toques de Pantera e Metallica (fase mais atual).

Os riffs são de um bom gosto latente, transbordando energia e solos na medida certa, que se entrelaçam com o peso e agressividade da cozinha, que mantém o bom equilíbrio do trabalho, assim como as excelentes linhas vocais que trazem ótimas melodias.

A produção sonora de “Welcome to the Underground” é de alto nível e bem trabalhada, onde transborda peso e clareza, com ótimos timbres, como notamos na abertura com “Welcome to the Underground” ou na semi-balada “The Last Chance” onde os timbres saltam aos ouvidos e nos trazem o melhor da banda seja nos momentos mais azedos ou mais melodiosos.

Não há muito o que se dizer do Datavenia, uma estreia com o pé direito mostrando grande profissionalismo e personalidade.

Se ainda dúvida ouça sem pensar duas vezes os petardos “Metal God” e “Unprotected” e seja devorado por essa construção sonora moedora de pescoços!


Links de acesso:

Tracklist:
1. Welcome to the Underground
2. Hate to the Bones
3. Metal God
4. Even if It Dies
5. The Last Chance
6. Hot Ginger Woman
7. Bang Your Head
8. Bad Days
9. Rescue Me
10. Unprotected  

Formação:
Guilherme Mello - Vocais, guitarras
Guilherme Argenta - Baixo, vocais
Gabriel Quatrin - Guitarras
Eduardo Pegoraro - Bateria

0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More